6 dicas rápidas para uma sessão produtiva de brainstorming

0 Comente

A qualidade das ideias que surgem de uma sessão de brainstorming depende muito da qualidade da própria sessão. E isso requer algum planejamento. Muitas pessoas odeiam reuniões. 

Talvez a maioria de nós odeie reuniões. Mas elas são necessárias algumas vezes, e isso inclui quando você precisa reunir suas melhores mentes para ter novas ideias.

Aqui estão 6 dicas para garantir que seus brainstorms sejam produtivos e valham o seu tempo. 


1. Tenha uma agenda pronta para ir com antecedência

Tentar improvisar nunca é uma boa estratégia para uma sessão de brainstorming – ou qualquer reunião para esse assunto.

Se o seu único plano descrito é que você deseja sair da reunião com algumas boas ideias, está fazendo errado.

Se você não possui uma estrutura real para alcançar essas ideias, não terá o mesmo sucesso que teria se seguisse uma agenda.

Considere estruturar sua sessão de brainstorming em torno de uma técnica comum, como mapeamento mental ou banca de palavras, e seja claro em suas instruções aos participantes.

Com uma agenda em andamento, você pode transformar a sessão em algo divertido, em vez de rotineiro e monótono, e você apoiará mais criatividade ao longo do caminho.


2. Defina as expectativas para o grupo

Peça a cada participante que tenha algumas ideias durante a reunião. Ao pedir a todos que participem, você abre a porta para as ideias sobre as quais as pessoas poderiam ter ficado caladas. Toda ideia tem valor. 

Mesmo que uma ideia não seja viável, pode levar a outras. Quanto mais ideias você tiver, melhor, para que seus participantes saibam que todos deverão participar. 

Quando todos contribuem com uma ou duas ideias, funciona como um incêndio para inspirar outras grandes ideias de marketing ou marketing de conteúdo a serem consideradas. 


3. Revise cada ideia

Lembre-se, sempre há valor em uma ideia. Mesmo aqueles que inicialmente não parecem ter muito a oferecer.

Para aproveitar o máximo de cada sugestão, repasse cada ideia que o grupo trouxer. Trata-se primeiro da quantidade e depois da qualidade. 

Para estruturar sua sessão, segmente as ideias em prioridade e em mais discussão posterior.

Como o tempo é essencial em qualquer reunião, atente-se às ideias de alta prioridade durante a sua sessão inicial e depois volte para as outras mais tarde, mesmo que isso signifique sediar uma reunião de acompanhamento.


4. Preencha as lacunas

À medida que você expõe as melhores ideias de sua sessão de brainstorming, trabalhe-as com sua equipe para identificar e responder a quaisquer lacunas gritantes. 

Que recursos são necessários para dar vida a essa ideia? Quais são os maiores benefícios e desvantagens?

Quais objetivos de marketing essa ideia pode ajudar a alcançar? O que está impedindo que essa ideia ganhe vida?

Preencher essas lacunas não significa apenas colocá-las em ação. Fazer buracos em suas ideias é um passo fundamental em um brainstorm eficaz.

Obriga você a bancar o advogado do diabo e aprimorar quaisquer possíveis inconvenientes antes de colocar tempo, esforço e dinheiro em uma ideia. 

Também é um ótimo exercício para analisá-las de todos os ângulos, para que você possa descobrir o máximo de detalhes possível antes de finalizar a reunião.


5. Estabeleça os próximos passos

Felizmente, até o final da reunião, você terá pelo menos uma ou duas ideias que vale a pena seguir.

Para garantir que a ação aconteça, você deseja estabelecer quais são as próximas etapas e designar uma pessoa de referência para cada etapa.

No marketing, como em todos os empreendimentos comerciais, boas ideias não são suficientes por si só.

Você precisa ter um plano para executá-las e transformá-las em realidade. 

Divida as etapas de pesquisa e desenvolvimento e designe pessoas para a tarefa, para ter certeza de que suas melhores ideias estão realmente avançando.


6. Agende uma reunião de acompanhamento, se necessário

Muitas sessões de brainstorming não são uma coisa única.

Há uma boa chance de que você precise se reunir novamente em algum momento para discutir as especificidades de colocar uma ou mais ideias em ação e analisar as que não entraram na lista de alta prioridade. 

Você pode agendar uma reunião de acompanhamento no final da primeira sessão para criar uma linha do tempo para as próximas etapas ou pode esperar para agendá-la quando as tarefas necessárias forem concluídas.

As sessões de brainstorming não devem ser dolorosas, nem devem ser sem objetivo.

Quando você segue as dicas acima, oferece a si mesmo – e à sua equipe – o benefício de um plano e estratégia definidos. Quanto ao que sai disso? O céu é o limite. 

You may also like

Deixe um comentário