Consultar PIS: passo a passo para realizar a consulta

Por João
0 Comente
Consultar-PIS-passo-a-passo-para-realizar-a-consulta

O PIS, sigla para Programa de Integração Social, é uma Lei Complementar nº 26, (n° 7/1970) desenvolvida no dia 11 de setembro de 1975, com vigência a partir de 1º de julho de 1976, regulamentada pelo Decreto nº 78.276/1976, e hoje gerido pelo Decreto nº 4.751 de 17 de junho de 2003. 

Foi  feita para a criação do programa que busca a integração do empregado com o  desenvolvimento da empresa (um setor privado), que a partir de uma  contribuição recebida pelo PIS, há a distribuição de valores aos funcionários  como sendo um benefício pelo tempo de trabalho e proporcional ao salário. 

É uma forma das empresas regidas pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), apoiarem e oferecerem benefícios aos seus empregados, que através de um número cadastrado, disponibilizam o saque pelo banco Caixa Econômica Federal, de um valor estipulado para o empregado. 

Sendo um método desenvolvido para melhorar a integração, a circulação de renda e a relação profissional dos empregados para com as empresas. Entretanto, apenas para trabalhadores que atuaram de 1971 a 1988, ou seja, indivíduos com no mínimo 60 anos. 

Como consultar o saldo do PIS? 

Para realizar a consulta do saldo do PIS, existem algumas maneiras disponíveis, sendo: através do site oficial, aplicativo Caixa Trabalhador ou pelo telefone. 

A maneira mais simples, acessível e prática de consultar o PIS, é  através do site oficial da Caixa Econômica Federal, que disponibiliza as ferramentas para inúmeros serviços desse setor, incluindo o PIS.

Basta acessar o site oficial da Caixa, ir na aba “Benefícios e Programas”, seguir para “Abono  Salarial” – “Benefícios do Trabalhador” e após ser direcionado para outra página, acessar “Consultar Pagamento” 

Primeiramente é necessário cadastrar-se no site através do CPF e do número do NIS (Número de Identificação Social), além dos dados do beneficiário  (data de nascimento, documentos, nome completo, estado de residência, entre  outros). 

Após o cadastro realizado, é definido um login e senha, que normalmente trata-se do CPF do usuário e uma senha que o mesmo define. 

Com cadastro finalizado, basta acessar a página direcionada para o PIS, entrar com o login e senha cadastrados, e então acessar a aba “NIT/PIS”, com isso todos os dados e informações referentes ao PIS estarão disponíveis nesta aba.  

Como consultar o saldo do PIS pelo aplicativo?

Para que a consulta do saldo do PIS seja realizada pelo aplicativo, primeiramente é necessário fazer o download do aplicativo “Caixa Trabalhador”, disponibilizado para Android (através do Play Store) ou para iOS (através do  App Store). 

Com isso, é possível acessar com o cadastro já realizado pelo site, ou mesmo realizar um novo cadastro, pelo mesmo procedimento de cadastro realizado no site.

Com o cadastro, o aplicativo fornece a opção de acessar os dados de abono salarial, PIS, seguro desemprego, entre outras informações. 

Como consultar o saldo do PIS pelo telefone? 

Caso não seja possível que o acesso do saldo do PIS seja realizado através da internet, é possível que seja feito através do telefone oficial do benefício e de maneira gratuita. 

O número disponibilizado pela Caixa é o 0800 726 0207, basta então entrar em contato com o atendimento, aguardar o posicionamento dos atendentes, informar os dados e aguardar a resposta imediata do saldo do PIS. 

Quem tem direito ao PIS? 

Como já foi dito anteriormente, não são todos os trabalhadores que possuem o direito de receber o PIS. Os que podem retirar o benefício devem se enquadrar em tais categorias: 

  • recebeu até dois salários mínimos no período trabalhado;
  • ter trabalhado com carteira assinada no mínimo 30 dias no ano-base;
  • tem cinco anos de cadastro no PIS;
  • ter trabalhado com carteira assinada nos  anos 1971 a 1988;
  • e ter mais de 60 (ou ser aposentado). 

É importante estar atento às informações referentes ao benefício e saber o momento correto de sacar e então aproveitar esse benefício o quanto antes!

Sugestões

Deixe um comentário